fbpx

Aprenda a cuidar dos pés na corrida com 3 dicas simples

Independente se você já é um corredor experiente, ou está começando na corrida, saiba que os pés são uma das partes mais sensíveis e importantes durante a corrida. E como tal, merece um cuidado especial. Aprender a cuidar dele desde os primeiros passos na corrida poderá fazer uma diferença enorme.

Cuidar dos pés na corrida pode evitar problemas durante provas mais prolongadas, em terrenos diversos, na chuva, dentre outros. Os corredores iniciantes também não estão imunes a esse mal. A escolha de um tênis inadequado , assim como uma meia do tamanho errado ou pés sujos, podem ajudar no surgimento desse mal que aflige muitos corredores.

Você não quer sofrer esses problemas na pela, não é mesmo? Por isso, separamos para você algumas das principais formas de cuidar dos pés na corrida. São 3 problemas recorrentes e como você pode fazer solucioná-los. Confira!!

 

Quer cuidar dos pés na corrida? Evite bolhas

Disparadas o maior pesadelo do corredor. São acúmulos de líquido na camada da pele. Em geral, são causadas pelo atrito do tênis (ou da meia) com o pé. O acúmulo excessivo de treinos também pode ser uma causa do maior desgaste da pele e, consequentemente, as bolhas.

Em primeiro lugar, evite furar a bolha. Isso pode causar um processo infeccioso nos pés, assim como contribuir para redução da velocidade ou até mesmo a interrupção do treino. Procure utilizar meias que evitem um maior atrito, e que sejam específicas para corrida.

Além disso, o uso de vaselina ajuda a um maior deslizamento de um local problemático. Caso a bolha já esteja instalada, usar vaselina e micropore ajudará a combater e evitar que a bolha aumente.

 

Unhas roxas ou queda

Quando corremos, nossos pés se dilatam e a pressão sobre eles acabam aumentando. Essa é a principal causa do trauma sofrido pelas unhas, que ficam roxas e, em alguns casos, chegam a descolar e cair. Por isso, o uso de protetores de silicone, sejam para fixar a unha, ou proteger a região após a queda, é a melhor opção.

Outra alternativa é estar sempre atento na compra de seu tênis, escolhendo formas mais largas, além de um tamanho que garanta pelo menos 2cm de distância entre a ponta do pé e o final do tênis.

Muitos corredores também optam por furar a unha, reduzindo a pressão e diminuindo a chance de descolamento e queda. Porém, o ideal é um médico ou podólogo especializado realizar esse procedimento. Cuidar dos pés na corrida não é tarefa fácil e requer ajuda.

 

Calos de corredor

Os calos são muito comuns em corredores. A maior causa são a pressão contínua e específica de alguns pontos sobre os pés, além do excesso de atrito em determinadas regiões já adaptadas, criando uma camada espessa sobre a pele. Além disso, muitos corredores convivem bem com calos. Outros sofrem na hora da pisada.

A raspagem e retirada da camada espessa, feita por um profissional (médico ou podólogo) é recomendável, pois vai garantir um maior equilíbrio e distribuição da carga durante a corrida.

Gostou dessa matéria sobre como cuidar dos pés na corrida? Conta pra gente! Bora falar de corrida e conheça mais da Runplace!

Sem comentários

Fazer um comentário